sexta-feira, 13 de maio de 2011

Não aos Estrangeirismos?



              Sabe quando você está passando por uma loja e lê algo do tipo 20% ou 30, 40, 50% Off? Pois é, agora a melhor coisa que você tem a fazer é entrar na loja e avisar para tirarem o "Off", pois caso não tirem podem sofrer consequências, pelo menos aqui no Rio Grande do Sul.
              Isso tudo porque o deputado Raul Carrion criou uma lei que obriga a tradução para o Português de palavras e expressões estrangeiras. E antes que você diga que mora em outro estado e por isso não precisa se preocupar, saiba que alguns deputados federais do mesmo partido de Raul querem estendê-la para todo território nacional.
              A desculpa dele para essa bobajara toda é que “além de defender a língua portuguesa de estrangeirismos, garante o direito do consumidor de ser bem informado sobre os produtos que pretende adquirir. Os diabéticos, explica o deputado, muitas vezes confundem os significados de “light” e “diet”, o que pode colocar em risco à saúde”. Porém existem pessoas que são contra isso também, de acordo com o gramático Cláudio Moreno a nossa língua não precisa de defesa e que o projeto fere a liberdade de expressão do cidadão (o que eu concordo plenamente).
              Imaginem vocês que seremos proibidos de falar smart phone, skate, hip hop, o pior de tudo ainda é sermos proibidos de falar mouse e sermos obrigados a falar rato? Ninguém merece isso!
              Eu lembro muito bem que na 7ª ou 8ª série do fundamental eu aprendi nas aulas de Língua Portuguesa uma matéria chamada Estrangeirismos, ou seja isso já está até dentro da nossa gramatica o que adianta mudar agora, só para confundir a cabeça e encher o saco como aconteceu com a mudança gramatical (sinto extrema falta do trema em conseqÜência e acento agudo em idÉia)?
              E é para pagar o salário desses incompetentes que só votam em besteiras, e ainda são aprovadas, que pagamos impostos? Sendo que eles ganham muito mais em um mês do que muita gente durante meio ano ou até mais! Deviam gastar o tempo deles com coisas mais importantes, melhorias na saúde, educação, redução dos impostos (já que nunca há melhoria na saúde e educação) e tantas outras coisas que são REALMENTE importantes.

Inutilia Truncat = Cortar o Inútil.

0 comentários:

Postar um comentário

Sua opinião é sempre bem vinda, sinta-se livre para expor ela.

 
Layout por Cínthia | Powered by Blogger
Sweet and Dark Copyright 2013 - Todos os direitos reservados